EconPapers    
Economics at your fingertips  
 

AVALIAÇÃO DO IMPACTO REGIONAL DE UM PROGRAMA DE SAÚDE -– O caso do município de Ipatinga, Minas Gerais, Brasil REGIONAL IMPACT EVALUATION OF A HEALTH PROGRAM - The case of Ipatinga, Minas Gerais’s Region, Brazil

T. Kashiwabara (), L. Rocha (), T. Sequeira () and F. Diniz* ()
Additional contact information
T. Kashiwabara: Doutora em Gestão pela Universidade Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) Portugal, médica especialista em pediatria, alergia e imunologia, dermatologia e nutrologia. Professora adjunta do Curso de Medicina da UNIVAÇO, Brasil
L. Rocha: Professora e Pesquisadora do Centro de Estudos em Biologia do Instituto de Ciências da Saúde do Centro Universitário de Caratinga, Doutora em Biologia Molecular e Estrutural pela Universidade Federal de Viçosa, Brasil
T. Sequeira: Investigadora do Centro de Estudos Transdisciplinares para Desenvolvimento (CETRAD) e Professora Auxiliar na UTAD, Portugal
F. Diniz*: Professor Associado com Agregação, Aposentado, UTAD, Portugal, e Investigador do CETRAD- Edifício da ECHS - Polo II, Quinta de Prados. 5000-801 Vila Real, Portugal.

Investigación en Ciencia Regional, 2016, vol. VII, issue 1, 65-85

Abstract: Em 2002 vários municípios brasileiros implantaram, a partir da orientação do Ministério da Saúde, programas para prevenção e controle da asma. A asma é uma doença crônica de alta prevalência no Brasil, com grande impacto nos custos para os serviços de saúde pública e para os familiares dos doentes. No entanto, os estudos que pretendiam avaliar o impacto regional destes programas apresentam resultados contraditórios. No município de Ipatinga, Minas Gerais, foi implantado o Programa “Respirar”, um projeto que pretende promover o controle e prevenção da asma. Este estudo teve como objetivo avaliar o impacto econômico do Programa “Respirar”, considerando os custos diretos e indiretos. Para determinar os custos diretos e indiretos do Programa, foi definido o período de 2000 a 2012 considerando os dados do Ministério da Saúde do Brasil (DATASUS) e comparando os resultados do Brasil, Minas Gerais, Ipatinga e Coronel Fabriciano. Calculou-se também o custo-efetividade incremental, custos com medicamentos e unidades dispensadas. Nos resultados foram analisados o número de internações pertencentes ao Programa, custo com medicamentos e unidades dispensadas. Na avaliação do impacto económico do Programa “Respirar”, seja através do custo direto, do custo indireto ou pelo custo-efetividade, observou-se diminuição nos gastos com a doença em Ipatinga, principalmente a partir de 2008. Essa queda ocorreu mais tardiamente do que o registrado no Brasil e em Minas Gerais. O número de internações, atendimentos de urgência e gastos com medicamentos apresentou queda em 2012 no município de Ipatinga, comprovando a importância do programa na diminuição dos custos a longo prazo.

Keywords: Programas regionais de promoção da saúde; avaliação económica; Asma (search for similar items in EconPapers)
JEL-codes: R59 I38 (search for similar items in EconPapers)
Date: 2016
References: View complete reference list from CitEc
Citations Track citations by RSS feed

Downloads: (external link)
http://www.rsijournal.eu/Foreign/Spain/ICR_2016.pdf (application/pdf)

Related works:
This item may be available elsewhere in EconPapers: Search for items with the same title.

Export reference: BibTeX RIS (EndNote, ProCite, RefMan) HTML/Text

Persistent link: https://EconPapers.repec.org/RePEc:hrs:jrnicr:v:vii:y:2016:i:1:p:65-85

Access Statistics for this article

Investigación en Ciencia Regional is currently edited by Dr Christos Ap. Ladias

More articles in Investigación en Ciencia Regional from Hellenic Association of Regional Scientists
Series data maintained by Dimitrios K. Kouzas ().

 
Page updated 2017-09-29
Handle: RePEc:hrs:jrnicr:v:vii:y:2016:i:1:p:65-85